O ADOLESCENTE E AS DESCOBERTAS

Por Equipe LIV

 

Marcada ou não por um rito de passagem, a adolescência, culturalmente, tem sido, em nosso país e em diversos países do mundo, um período em que o jovem começa a ganhar autonomia e conquistar a presença no mundo fora de casa.

Por que o adolescente questiona muito? Essa é uma pergunta muito comum, e algumas tentativas de respondê-la podem nos ajudar em sua reflexão.

Durante o período da adolescência, como dito anteriormente, um afrouxamento junto às identificações com os pais tende a acontecer, ocasionado pela percepção do jovem de que seus responsáveis não são tão perfeitos quanto ele, um dia, imaginou.

Essa “desilusão” pode se dar de maneiras bastante variadas, acarretando, ao adolescente, a apresentação de outros modelos de vida para ele se acoplar. Pois bem, é a partir desse momento que o novo ganha destaque na vida dele, e o teste dos próprios limites pode aparecer.

As transgressões, comumente realizadas na adolescência, ancoram-se exatamente nessa nova tentativa de reformulação interna a qual ele é convocado a inscrever sobre si.

Incontáveis novas decisões passam a fazer parte da vida do adolescente, o que pode exigir esforço demasiado de sua “máquina cerebral”, ainda em processo de formação. Podemos pensar o adolescente como um malabarista desequilibrado, tentando testar os meios em que circula e equilibrar suas expectativas internas com a realidade nua e crua ao seu redor. A garantia de um espaço que possa sustentar essa “travessia desvairada” tende a ser escolas e instituições das mais variadas, quando estruturadas de maneira sólida e amorosa, podem ser de grande valia para esse momento tão singular na vida do adolescente.

Nós, do LIV, entendemos que é justamente por meio da apresentação de um ambiente que favoreça o surgimento das emoções, dos sentimentos, das curiosidades e das trocas de experiências, sem um julgamento em vista, que o jovem poderá ter maior capacidade de realizar escolhas mais equilibradas e saudáveis para sua vida. Deixamo-nos disponíveis para sermos uma ponte, ao mesmo tempo firme e agradável, para o jovem poder atravessar durante esse momento de extremas novidades.

O LIV busca ser uma preciosa ferramenta para construir uma relação mais compreensiva.

A família é uma peça fundamental para ajudar nessa construção. Ela fortalece vínculos e oferece uma oportunidade de escuta acolhedora e interessada. Dessa maneira, essa etapa do desenvolvimento do adolescente poderá ser vivida de maneira criativa e repleta de descobertas enriquecedoras para a vida dele.

Conte conosco para o que for necessário.

Atenciosamente,

Equipe LIV.

.